skip to Main Content

Confraternização do Dia do Tradutor 2014

No sábado, dia 27 de setembro de 2014, realizamos nossa confraternização em comemoração antecipada do Dia do Tradutor — que acontece todo 30 de setembro, dia de São Jerônimo, padroeiro dos tradutores.

Para aqueles que não puderam estar presentes, segue abaixo um breve resumo do que aconteceu e foi dito durante o encontro.

A partir das 10h, promovemos, com a participação de todos os presentes, um círculo de debates sobre temas que consideramos de interesse geral. A saber:

a) sobre a contribuição dos tradutores autônomos ao INSS, principalmente sobre o valor retido nos RPAs — que, se recolhido pelas empresas, quase nunca é devidamente informado para o INSS na GEFIP:

Quando e se o interessado tira extrato do CNIS no INSS, a fim de verificar a apropriação das contribuições no nome do titular, por vezes (quase sempre) surpreende-se que nada ou quase nada consta. Recomenda-se, portanto, que ao menos anualmente os tradutores autônomos, principalmente os que fornecem RPAs, dirijam-se ao INSS e solicitem o extrato do CNIS para acompanhar sua situação em vista da futura aposentadoria. A secretária da ATPP, nossa colega Christiane Beate Bahn, relatou suas dificuldades em coletar todas essas informações e o trabalho para sanar as falhas.

b) sobre as traduções de carteiras de habilitação a serem apresentadas perante o DETRAN-PR:

Houve um interessante debate. Haverá necessidade de fazermos contato com o setor jurídico do DETRAN para esclarecermos algumas exigências que estão sendo feitas em relação às traduções — como a solicitação de informações adicionais da parte do tradutor quanto às diversas classes de habilitação. Acontece que tais informações normalmente não caberiam ao tradutor, cuja função é traduzir o conteúdo do documento, atendo-se ao que está escrito no documento apresentado. Futuramente, retornaremos ao assunto.

c) sobre a necessidade em se observar a tabela de emolumentos e a necessidade de correção dos valores atuais (ao menos pelos índices oficiais, visto que há quatro anos já não temos reajustes ):

Estudaremos a situação das tabelas dos outros estados e veremos a possibilidade de aplicação de correção à nossa tabela.

Às 12h30, tivemos nosso almoço festivo com a honrosa presença do presidente da JUCEPAR, o Dr. Ardisson Naim Akel, e do vice-presidente da JUCEPAR, o Dr. Antônio Romão Montes. O Sr. Presidente dirigiu a palavra a todos os presentes e, ao final, informou que a JUCEPAR firmou convênio com o Instituto de Identificação do Paraná (Secretaria de Segurança Pública) para emissão de nossas carteiras de identidade de tradutor público. A JUCEPAR fornecerá o papel de segurança e o Instituto de Identificação emitirá nossas carteiras, o que deverá ocorrer até meados de novembro. Tão logo tenhamos dados mais precisos, informaremos.

No dia 29 DE NOVEMBRO DE 2014, teremos uma Assembleia Geral Extraordinária para alteração do estatuto, bem como a Assembleia Geral Ordinária para ELEIÇÃO DA DIRETORIA para o próximo biênio. O encontro acontece em um sábado e tudo será finalizado com um jantar festivo. Anotem na agenda, pois desde já contamos com a presença de todos!

 

100_4553 100_4591 100_4590 100_4589 100_4588 100_4587 100_4586 100_4584 100_4583 100_4580 100_4579 100_4578 100_4577 100_4576 100_4572 100_4571 100_4570 100_4569 100_4568 100_4567 100_4565 100_4564 100_4563 100_4562 100_4561 100_4560 100_4559 100_4558 100_4557 100_4555 100_4554

Back To Top
Search